Diretórios de dados abertos de pesquisas: o caso do Re3Data

Atualizado: Mai 12

por Natália Rodrigues Silva*


Na perspectiva da Ciência Aberta, o Re3data é uma importante ferramenta que reúne dados de pesquisas de diferentes áreas do conhecimento, em formatos distintos e com acesso na íntegra, podendo ser consultado por qualquer indivíduo.

Fonte: Research Data Repositoties Information (2021)


Os dados abertos de pesquisas acompanham o movimento do acesso aberto que teve início no final dos anos 1990. A abertura e compartilhamento de dados de pesquisas possibilita que haja a reprodução ou mesmo a verificação dos dados obtidos, a divulgação à sociedade de pesquisas, principalmente aquelas financiadas com recursos públicos, a reprodução ou continuação da pesquisa por outros pesquisadores, entre outros. Nesse sentido, uma das principais características dos dados abertos de pesquisa é a sua heterogeneidade, pois as diferentes áreas do conhecimento produzem e coletam dados.


Sales e Sayão (2009, p. 36), definem dados abertos de pesquisa como “todo e qualquer tipo de registro coletado, observado, gerado ou usado pela pesquisa científica, tratado e aceito como necessário para validar os resultados da pesquisa pela comunidade científica”. Assim, os dados abertos de pesquisa dizem respeito a fatos, observações, realizados por meio de teorias ou mesmo testes por outros pesquisadores, que podem ser reusados pela comunidade científica, pois estes dados já foram divulgados e disponibilizados de forma aberta. Principalmente no que tange a pesquisas desenvolvidas por meio de recursos públicos, a divulgação dos dados de pesquisas torna-se fundamental para dar maior transparência e retorno à sociedade sobre os investimentos em pesquisas.


Apesar de ser um tema recente, já existem alguns diretórios que armazenam dados abertos de pesquisas, que podem ser acessados por qualquer pessoa, para fins de reuso de dados ou consulta de dados já obtidos por meio de pesquisas preexistentes. Um destes diretórios é o Research Data Repositories Information (Re3data).


O Re3data é um diretório global de dados de iniciativa alemã, que está disponível para uso desde 2012. Entre os parceiros que fundaram o projeto estão a Escola de Biblioteca e Ciência da Informação de Berlim, Helmholtz Open Science Office no Centro Alemão de Pesquisa de Geociências GFZ, a Biblioteca KIT no Instituto de Tecnología de Karlsruhe (KIT) e as Bibliotecas da Purdue University (Re3data, 2021).


O diretório possui diversas opções de busca como, por exemplo, país, assunto, tipo de dado etc. O Re3data engloba diferentes áreas do conhecimento, buscando promover então o compartilhamento, o acesso e dar maior visibilidade aos dados de pesquisas. Ao se pesquisar no diretório, em cada um dos resultados recuperados, há uma descrição ou resumo informando sobre a pesquisa ao qual o dado se refere, bem como seu país de origem, assuntos ou palavras-chave que constam na pesquisa, e tipo de documento (texto, gráfico, dados estruturados e estatísticos etc.).


Essas informações funcionam como um orientador ao usuário para uma leitura prévia a respeito do que se trata a pesquisa cujo os dados foram recuperados no diretório. Além disso, é possível aplicar filtros aos resultados obtidos, como forma de afunilar os dados recuperados, e direcionando o usuário do diretório a uma pesquisa mais filtrada. Há filtros por país (verificando que há realmente a característica de um repositório global de dados de pesquisa), tipo de conteúdo, por instituição, programa, etc.


Ao selecionar um dos resultados da pesquisa, o diretório direciona o usuário para uma outra página em que é possível visualizar o site em que os dados da pesquisa estão hospedados, fazendo um link direto para este repositório. É possível visualizar a instituição responsável pelo armazenamento daqueles dados, se é uma instituição com ou sem fins lucrativos, por exemplo.


Ao clicar então no link que direciona ao repositório escolhido, é possível acessar na íntegra os dados da pesquisa sendo possível, por exemplo, o download da informação, seja em formato de texto, planilha, imagem, etc, possibilitando que os dados produzidos por uma pesquisa sejam reusados e compartilhadas por outros pesquisadores.


Re3data, na perspectiva da Ciência Aberta, é uma importante ferramenta, de fácil manuseio que reúne dados de pesquisas de diferentes áreas do conhecimento, em formatos distintos e com acesso na íntegra, podendo ser consultado por qualquer indivíduo. Iniciativas como esta, no contexto da comunicação científica, se mostram eficientes para divulgar o que está sendo produzido em termos de pesquisa, e a disponibilização dos resultados destes trabalhos dão mais visibilidade a estes, possibilitam o reuso dos dados e a reaplicação das pesquisas, por exemplo. Outro fator de destaque que verifica-se com os dados abertos de pesquisa, é o retorno à sociedade, sobretudo quando se pensa em pesquisas com recursos públicos.


Referências


SALES, L. F; SAYÃO, L. F. Uma proposta de taxonomia para dados de pesquisa. Conhecimento em Ação, Rio de Janeiro, v. 4, n. 1, jan./jun. 2019. DOI: https://doi.org/10.47681/rca.v4i1.26337. Disponível em: https://revistas.ufrj.br/index.php/rca/article/view/26337. Acesso em: 11 mar. 2021.


SALES, L. F; SAYÃO, L. F. Dados de pesquisa: contribuição para o estabelecimento de um modelo de curadoria digital para o país. Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia, Paraíba, v. 8, n. 2, 2013. DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2013v8n2.18634. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/pbcib/article/view/18634. Acesso em: 11 mar. 2021.


RESEARCH DATA REPOSITORIES INFORMATION. 2021. Disponível em: www.re3data.org. Acesso em: 18 de mar. 2021.


Dados biográficos da autora


*Doutoranda em Gestão e Organização do Conhecimento pela Universidade Federal de Minas Gerais (PPG-GOC/ECI/UFMG). Mestra em Ciências da Linguagem pela Universidade do Vale do Sapucaí (2018). Pós-graduada em Biblioteconomia pela Faculdade Internacional Signorelli (2013). Graduada em Biblioteconomia pelo Centro Universitário de Formiga (2012). É bibliotecária no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais (IFSULDEMINAS) - Campus Avançado Carmo de Minas.

E-mail: natalia.silva@ifsuldeminas.edu.br

Orcid: https://orcid.org/0000-0001-7771-9724 Lattes: http://lattes.cnpq.br/1447781105210047

Como citar


SILVA, N. R. Diretórios de dados abertos de pesquisas: o caso do Re3Data. Ciência da Informação Express, [S. l.], v. 2, n. 5, 3 maio 2021. Disponível em: https://www.cienciadainformacaoexpress.com/post/diret%C3%B3rios-de-dados-abertos-de-pesquisas-o-caso-do-re3data.

Teaser


33 visualizações0 comentário